Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

TRE-MT

Justiça defere registro e Fávaro está apto a disputar reeleição

A Justiça Eleitoral deferiu o registro da candidatura da coligação “Fazer mais por Mato Grosso”, encabeçada pelo senador e candidato à reeleição, Carlos Fávaro (PSD). A decisão foi proferida pelo juiz membro do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT), Sebastião Monteiro, relator do processo.

Na decisão, além de confirmar a ausência de qualquer irregularidade, o magistrado acolheu o parecer do procurador Regional Eleitoral Erich Raphael Masson, que analisou o pedido de registro. “Após a devida análise do pedido de registro de candidatura em epígrafe e constatada a sua regularidade, com a presença das condições de elegibilidade e ausência de condições de inelegibilidade, manifesta-se pelo seu deferimento”, afirmou.

Além de Fávaro, a coligação “Fazer mais por Mato Grosso” conta com Margareth Buzetti (PP) na primeira suplência e com José Lacerda (MDB) na segunda. Integram a chapa PSD, PP, PTB, PV e MDB.

DECISÃO NA ÍNTEGRA

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Bolsonaro vai prestar contas dos 200 dias de governo, diz Planalto
Propaganda

Política

Eleição deste ano não terá biometria, decide TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai seguir a recomendação de infectologistas que prestam consultoria sanitária para as eleições municipais e excluir a necessidade de identificação biométrica no dia da votação. A decisão foi tomada pelo presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso. O repórter Pedro Pincer, da Rádio Senado, tem mais informações.

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Lewandowski dá diretrizes para aplicação de incentivos às candidaturas de pessoas negras
Continue lendo

vídeo publicitário

LEGISLATIVO

EXECUTIVO

JUDICIÁRIO

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA