Acesse outros veículos da Rede de Mídias!

OPERAÇÃO

PF deflagra nova fase da Operação para combater fraudes contra Benefícios Emergenciais.

A Polícia Federal deflagrou hoje (17/6) a Operação Sexta Parcela, em continuidade aos trabalhos empreendidos para combater fraudes aos Benefícios Emergenciais. Nesta data, são cumpridos 35 Mandados de Busca e Apreensão, 2 Mandados de Prisão Temporária, 1 Mandado de Prisão Preventiva e 12 Mandados de Sequestro de Bens. As ações ocorrem nos Estados da Bahia, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Rondônia, Roraima e São Paulo, com a participação de aproximadamente 140 Policiais Federais.

Os trabalhos realizados são resultantes de uma união de esforços denominada Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE), da qual participam a Polícia Federal, Ministério Público Federal, Ministério da Cidadania, CAIXA, Receita Federal, Controladoria-Geral da União e Tribunal de Contas da União. Os objetivos da atuação interinstitucional conjunta são a identificação de fraudes massivas e a desarticulação de organizações criminosas, com a responsabilização de seus integrantes, além de recuperar os valores para o erário.

A Polícia Federal já realizou a deflagração de 98 Operações Policiais, visando ao combate às fraudes aos Benefícios Emergenciais, com a expedição de mais de 380 (andados de Busca e de 50 Mandados de Prisão.

Leia Também:  Saúde de Várzea Grande alerta para os cuidados com a baixa umidade do ar

Destaca-se que em razão da atual crise de saúde pública, foi adotada logística especial de preservação do contágio com distribuição de EPI’s a todos os envolvidos, a fim de preservar a saúde dos policiais, testemunhas e investigados.

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

GERAL

Ministra Tereza Cristina é diagnosticada com covid-19

EBC Geral

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, informou hoje (24, por meio de seu Twitter, que foi diagnosticada com covid-19. Ela disse estar bem e que fará isolamento, conforme orientação médica.

“Bom dia! Informo a todos que testei positivo para #Covid19. Estou bem. Cancelei meus compromissos presenciais e permanecerei em isolamento durante o período de orientação médica”, twittou a ministra.

Com a declaração feita há pouco por Tereza Cristina, o governo federal contabiliza dois de seus ministros com a doença. Essa semana, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, também anunciou por meio de suas redes sociais que testou positivo para a covid-19, em meio à viagem feita junto à comitiva do presidente Jair Bolsonaro a Nova York, nos Estados Unidos, onde participaram da 76ª Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU).

Queiroga permanece nos EUA, onde faz quarentena, seguindo todos os protocolos de segurança sanitária. Segundo nota divulgada posteriormente pela Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom),os demais integrantes da comitiva realizaram o exame e testaram negativo para a doença. A ministra não integrou a comitiva.

Edição: Valéria Aguiar

Leia Também:  Projeto define critérios para a vacinação contra a Covid-19
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

vídeo publicitário

LEGISLATIVO

EXECUTIVO

JUDICIÁRIO

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA