Senado aprova empréstimo de US$ 250 milhões a Mato Grosso

O Senado aprovou, em sessão realizada na noite desta quarta-feira (04), o pedido de empréstimo de Mato Grosso junto ao Banco Mundial, no valor de US$ 250 milhões (R$ 1 bilhão).

O projeto segue ainda hoje para sanção presidencial e assinatura da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional com Banco Mundial.

Com o recurso, o Governo do Estado vai quitar, em tempo hábil, a dívida integral com o Bank Of America, adquirida pela Gestão Silval Barbosa (2010-2014) para o financimento das obras da Copa do Mundo.

O governador Mauro Mendes (DEM) considera o empréstimo crucial para as finanças do Estado, em curto e médio prazo, pois o reperfilamento da dívida irá gerar um alívio de caixa de cerca de R$ 800 milhões, que poderão ser usados para pagar fornecedores, regularizar a situação salarial dos servidores, além de garantir o 13° dos trabalhadores no final  do ano.

“Que o governador Mauro Mendes faça um bom uso desse recurso, para que Mato Grosso possa realizar políticas públicas de qualidade ao povo”, ressaltou o relator do pedido de empréstimo, o senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG) ao acrescentar os esforços realizados pelos senadores mato-grossenses, Jayme Campos (DEM), Wellington Fagundes (PR) e Selma Arruda (PSL), para darem celeridade à tramitação do projeto no Senado.

O empréstimo foi aprovado em tempo recorde.

A matéria chegou ao Senado na terça (03), foi lida em Plenário pelo presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM) e seguiu para apreciação da Comissão de Assuntos Ecômicos. Lá o parecer do relator do projeto foi aprovado, ainda na terça, e na sessão desta quarta o pedido de empréstimo seguiu para votação dos senadores.

A articulação também contou com a presença do governador e o secretário Fazenda, Rogério Gallo, que desde o início da semana estão em Brasília para conseguir a liberação da operação de crédito.

Entenda

O empréstimo junto ao Banco Mundial é considerado estratégico para as finanças do Estado, pois o Governo irá usar o valor para pagar a dívida com o Bank Of América – adquirida pelo ex-governador Silval Barbosa (2010-2014) para o financiamento das obras da Copa do Mundo.

Na prática, o Governo vai trocar uma dívida por outra, só que com juros mais baixos nas parcelas e prazo mais alongado para o pagamento.

O Governo do Estado tem a data limite desta sexta-feira (06) para transferir os valores do empréstimo ao Bank Of América, e dessa forma quitar integralmente a dívida de US$ 250 milhões.

 

 

 

Fonte: O Bom da Notícia | Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *