Gallo voltar negar candidatura, mas diz que vai ajudar a eleger o candidato do governador

Embora tenha falado que seu foco é administrativo, no sentido de reequilíbrar as finanças do Estado, o secretário de Fazenda, Rogério Gallo, do ponto de vista político, admitiu nesta segunda-feira (26), em nota encaminhada, que não abrirá mão de ajudar, nas eleições 2020, a eleger o candidato a ser escolhido pelo grupo político do governador Mauro Mauro Mendes (DEM), na disputa pelo comando do Palácio Alencastro, em Cuiabá.

No que se refere ao destino do partido na disputa majoritária pela Prefeitura de Cuiabá, o DEM estaria – de acordo com entrevista realizada nesta segunda pelo presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho -, ainda avaliando nomes, mas que teria sido definido em uma das últimas reuniões do democratas, quanto as eleições municipais de 2020, que elas passarão, necessariamente, pelo nome que reunir as melhores condições de disputar a majoritária em Cuiabá. Mesmo que admita que haja um comprometimento da sigla em Mato Grosso, com alguns nomes como do ex-deputado federal e atual suplente de senador Fábio Garcia; e ainda do secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Ainda  que Gallo tenha sido cotado como candidato, nos últimos meses, depois também das declarações de Botelho, ao ventilar o nome do secretário de Mendes, que poderia se filiar ao partido e fazer parte de um seleto grupo, composto por cinco nomes fortes, para concorrer a majoritária de outubro do ano que vem.

Apesar de agradecer o reconhecimento e dizer que não tem objeção a nenhuma sigla, Gallo reitera que seu foco em 2020 é “consolidar e concretizar as medidas econômicas do governador Mauro Mendes (DEM), tomadas esse ano”.

Mas ponderou que vai ajudar a eleger o candidato a ser escolhido pelo grupo político do governador.

“Não tenho objeção a qualquer partido. Fico honrado com a lembrança ao meu nome, mas o foco em 2020 é consolidar e concretizar as medidas econômicas do governador Mauro Mendes, tomadas esse ano. Sou do grupo e vou ajudar a eleger o candidato a ser escolhido pelo grupo político do governador Mauro Mendes”, reiterou o gestor no texto.

 

 

 

Fonte: O Bom da Notícia | Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *