Governo estima que economia com Previdência após 1º turno será de R$ 900 bi

O secretário especial da Previdência, Rogério Marinho, afirmou que o governo estima que a economia com a reforma será próxima de R$ 900 bilhões em 10 anos.

O secretário afirmou que os técnicos do Ministério da Economia trabalham nos números e pretendem divulgar o detalhamento em “5 ou 6 dias”.

“Com a MP 871 teremos pouco mais de R$ 200 bilhões a partir de 2020 pelos próximos 10 anos”, disse. “O impacto entre a PEC e a MP 871 de R$ 1,100”.

A medida provisória mencionada por Marinho é que a estabeleceu regras para combate à fraudes no INSS.

O plenário Câmara concluiu a votação em 1º turno da reforma da Previdência nesta 6ª feira (12.jul). Na análise dos destaque, os deputados aprovaram regras que suavizam o cálculo da aposentadoria de mulheres, que são mais brandas para policiais e para professores. Além de 1 novo tempo mínimo de contribuição para homens.

Essas mudanças realizadas no plenário terão impacto entre R$ 50 bilhões e R$ 70 bilhões, segundo Marinho. “Nós ainda não temos os números exatamente”,disse. “A estimativa é baseada nos números baseado no início do projeto e quando houve a aprovação na comissão especial. imaginamos entre R$ 50 e R$ 70 bilhões.”

Fonte: Poder360

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *